Hospital dos Olhos Florianópolis

Fundado em 31/01/2011, o Hospital de Olhos de Florianópolis é referência no setor oftalmológico do Sul do país. Localizado no centro da cidade, a sede se concentra em 2.400m² distribuídos por sete andares.

Com infraestrutura completa, dispõe de equipamentos de última geração e profissionais atualizados.

Hospital dos Olhos Florianópolis

O HOF mantém ainda filiais na Maternidade Carlos Correa e no Square Corporate, na SC-401, ambas em Florianópolis, além de uma outra filial localizada no município de Biguaçu – SC.

A função do HOF vai muito além do tratamento de doenças. O objetivo é cuidar das pessoas. Procuramos os melhores profissionais para realizar um atendimento humanizado. Trabalhar em equipe com diferencial possibilita contribuir com a melhoria contínua dos serviços oferecidos.

Missão
Atuar no setor oftalmológico, com realização de consultas, exames de diagnóstico, adaptação de lentes de contato e cirurgias. Utilizar técnicas e equipamentos atualizados, seguros, prezando pela qualidade e satisfação dos pacientes atendidos.



Visão
Ser a melhor empresa no setor de oftalmologia. Ser referência estadual pela qualidade e competência dos serviços oferecidos.

Valores
Satisfação dos clientes, funcionários e fornecedores. Oferecer qualidade e transmitir confiabilidade a todos os públicos com os quais a empresa se relaciona. Inovação Tecnológica.

Hospital dos Olhos Florianópolis Exames e Procedimentos

Para um melhor diagnóstico e tratamento, o HOF reúne os mais avançados equipamentos. Um diagnóstico preciso garante resultados melhores e segurança na escolha da conduta mais adequada.

Veja abaixo os exames e procedimentos realizados:

– Angiografia Fluoresceínica/Retinografia Fluorescente
– Autorrefração /Refração computadorizada
– Avaliação de motilidade extrínseca ocular
– Biometria óptica (Interferometria)
– Biometria ultrassônica
– Campimetria
– Capsulotomia com Yag-laser
– Ceratoscopia/Topografia corneana
– Curva tensional diária
– Fotocoagulação a laser
– Gonioscopia
– Iridotomia com Yag-laser
– Mapeamento de retina
– Microscopia Especular da córnea
– OCT 3D – Tomografia de Coerência Óptica
– Orbscan IIz
– PAM (Potencial de acuidade macular)
– Paquimetria ultrassônica
– Pentacam
– Refração com cicloplegia
– Retinografia Digital / Red free/ Aneritra / Estereofoto de papila
– Teste de lente de contato
– Teste de visão sub-normal
– Tonometria
– Ultrassonografia ocular A/B



  • Angiografia Fluoresceínica/Retinografia Fluorescente
    É um exame no qual são realizadas fotografias da retina após a aplicação de um contraste através de uma injeção em uma veia do braço. Para realização deste exame é necessário dilatação da pupila, jejum de 02 horas e trazer um acompanhante.
  • Autorrefração /Refração computadorizada
    É um exame realizado em triagem antes da consulta, que de forma aproximada quantifica o erro refracional (miopia; hipermetropia; astigmatismo) do paciente. Com este resultado aproximado, o médico tem uma referência para aferição do grau final, através do refrator manual, na consulta oftalmológica.
  • Avaliação de motilidade extrínseca ocular
    Exame realizado em consultório para verificar o alinhamento ou desvio ocular em todas as posições do olhar, como também das alterações da musculatura dos olhos.
  • Biometria ultrassônica
    A Biometria ocular é a medida do comprimento axial do olho. É um exame rápido, indolor e especialmente importante para medida da lente intra-ocular a ser implantada na cirurgia de catarata. É recomendado não usar lentes de contato por no mínimo 48 horas antes do exame.
  • Biometria óptica (Interferometria)
    Outra técnica de medida de comprimento axial do olho é a biometria óptica, que utiliza luz para realização de medida tanto do comprimento axial do olho, quanto à ceratometria (curvatura da córnea). Os aparelhos efetuam automaticamente o cálculo da lente intra-ocular, utilizando as fórmulas mais conhecidas. É recomendado não usar lentes de contato por no mínimo 48 horas antes do exame.
  • Campimetria
    A campimetria é o exame que avalia o campo visual, podendo detectar alterações visuais que até então são imperceptíveis ao paciente. É um exame solicitado em casos de suspeita de glaucoma, doenças de retina, alterações neurológicas, toxicidade medicamentosa, doenças do nervo óptico. Este exame não necessita de dilatação das pupilas.
  • Capsulotomia com Yag-laser
    Após a realização da cirurgia de catarata pode ocorrer em alguns pacientes, a opacificação da cápsula na qual se apoia a lente intraocular. Esta perda de transparência irá acarretar uma redução da qualidade e quantidade de visão. A capsulotomia visa corrigir essa opacificação através da aplicação de um laser indolor com as pupilas dilatadas.
  • Ceratoscopia/Topografia corneana
    É um estudo topográfico da superfície anterior do olho que permite o estudo de distorções da córnea. É indicado em casos de ceratocone, degeneração marginal pelúcida, cirurgias refrativas, planejamento de incisão na cirurgia catarata, adaptação de lente de contato e avaliação de irregulares e cicatrizes corneanas. É importante evitar o uso de lentes de contato pelo menos 48h antes da realização deste exame.
  • Curva tensional diária
    O exame de curva tensional diária é realizado para o estudo do comportamento da pressão ocular durante o dia. Este procedimento necessita de um período prolongado de disponibilidade do paciente, pois se verifica a pressão ocular de duas em duas horas, iniciando, geralmente as 8 da manhã e finalizando as aferições as 16 ou 18 horas da tarde.
  • Fotocoagulação a laser
    É o tratamento de doenças da retina com raios laser permitindo controlar as doenças na grande maioria dos casos, evitando que a pessoa evolua para uma perda visual grave. É realizada em uma ou várias sessões, onde a retina sofre várias “micro” queimaduras que tem função de cauterizar a tratar.
  • Gonioscopia
    Exame em que se analisa o ângulo da câmara anterior do olho, onde o humor aquoso é drenado.
    Especialmente útil em diagnóstico e o acompanhamento de algumas enfermidades oculares, principalmente o glaucoma.
  • Iridotomia com Yag-laser
    É um procedimento oftalmológico realizado para tratamento de alguns glaucomas e consiste em fazer um pequeno furo na periferia da íris com laser yag. Tem como objetivo criar uma comunicação entre a câmara posterior e a câmara anterior, e forma melhorar o fluxo do humor aquoso e diminuir a pressão intraocular.
  • Mapeamento de retina
    O mapeamento da retina é um exame geralmente realizado durante consulta oftalmológica, em que todo o fundo do olho e suas estruturas são avaliados pelo médico oftalmologista.
  • Microscopia Especular da córnea
    Na microscopia especular, faz uma avaliação quantitativa e qualitativa das células do endotélio corneano, que é uma camada única e mais interna de células da córnea. É um exame rápido, simples e indolor que não exige dilatação das pupilas ou preparação prévia. Solicitado com freqüência em pré-operatórios, usuários de lente de contato, suspeita de degenerações e distrofias corneanas.
  • OCT 3D – Tomografia de Coerência Óptica
    É um exame de imagem que possibilita a visualização da retina em 3D. Também é muito importante para avaliação do vítreo e do nervo óptico. Consiste na obtenção de cortes transversais da retina e interface vitreorretiniana, possibilitando visualização das camadas da retina com uma resolução muito alta.
    É um exame fundamental no diagnóstico, evolução e no controle pós-operatório de múltiplas doenças retinianas, especialmente as que afetam a região da mácula.
  • Orbscan IIz
    O Orbscan é um exame rápido e indolor que fornece um mapa tridimensional da córnea. Ele avalia a córnea, em todos os seus aspectos: topografia, elevação anterior e posterior e paquimetria óptica. O exame é indicado para acompanhamento do ceratocone, degeneração marginal pelúcida, pós-transplante de córnea, procedimentos refrativos (pré e pós-cirurgia refrativa), pré-cirurgia de catarata, adaptação de lentes de contato, etc. Também é um exame em que se deve evitar o uso de lentes de contato pelo menos por 48h antes da realização do exame.
  • PAM (Potencial de acuidade macular)
    Exame simples e similar ao exame de acuidade visual que serve para avaliar a visão retiniana, excluindo possíveis baixas de acuidade visual devido opacidades e irregularidades de meios. Faz-se com laser ou com estenopeico (furinhos) onde se tenta atravessar áreas em que a visão está prejudicada devido a presença de opacidades. Muito útil em pacientes candidatos à cirurgia de catarata (para estimar como ficará a visão após a cirurgia de catarata).
  • Paquimetria ultrassônica
    É um exame que utiliza um feixe focalizado de ultrassom para medir a espessura da córnea. É solicitado com freqüência em casos de pré e pós operatórios de cirurgias que envolvam a córnea e em casos de glaucoma.
  • Pentacam
    O Pentacam é um exame que fornece um mapa tridimensional de toda córnea e câmara anterior do olho. É um exame minuncioso, pois através do Pentacam também é possível avaliar a córnea e uma porção do cristalino pela sua densidade e obter dados de aberrações ópticas, que propiciam uma melhor estimativa quanto ao resultado do pós-operatório. Deve-se evitar o uso de lentes de contato por 48h antes da realização do exame.
  • Retinografia Digital / Red free/ Aneritra / Estereofoto de papila
    É um exame rápido e indolor em que são feitas documentações fotográficas, em alta resolução, do fundo do olho. É indicado para controlar progressões das patologias de disco óptico e retina. O OCT é um dos exames complementares mais recentes utilizado no diagnóstico das doenças da retina e vítreo.
  • Refração com cicloplegia
    Refração com cicloplegia é a aferição do grau do paciente com a paralisia da musculatura ciliar ocular, que resulta na perda de acomodação visual. É realizada com uso de colírios cicloplégicos (que paralisam e dilatam as pupilas).
  • Teste de visão sub-normal
    A visão Subnormal ou Baixa Visão ocorre quando há uma grande perda da visão, mas com alguma funcionalidade preservada. Com avaliação médica, esse resíduo visual pode ser melhor aproveitado com a prescrição de auxílios ópticos, como óculos especiais, lupas de aumento, dicas de posicionamento e aparelhos eletrônicos diferenciados, entre outros.
  • Teste de lente de contato
    As lentes de contato se constituem em um corpo estranho dentro do olho, e em caso de má orientação, podem causar danos para a visão de modo que a segurança de seu uso depende da supervisão do oftalmologista.
  • Por isso, quando o paciente deseja ou precisa usar lentes de contato, é ideal que faça o teste de lente de contato, onde serão avaliadas as condições da córnea para a indicação da lente que tenha parâmetros e materiais que sejam confortáveis e que não tenham risco de lesionar a córnea do paciente.
  • Tonometria
    A tonometria é um exame realizado na consulta oftalmológica no qual se verifica a pressão intra-ocular, importante para o diagnóstico do glaucoma.
  • Ultrassonografia Ocular A/B
    Exame indolor e rápido no qual se utiliza uma sonda, que emite ondas sonoras, em contato através de um gel condutor com a pálpebra fechada do paciente. É realizado por médicos especialistas em ultrassonografia ocular.

Hospital dos Olhos Florianópolis Trabalhe Conosco

Para aqueles que almejam trabalhar em uma empresa que preza por realizar serviços da mais alta qualidade, e que zela por seus colaboradores e profissionalismo sempre, estes profissionais devem trabalhar no Hospital dos Olhos Florianópolis, acesse o site para enviar seu currículo.

Hospital dos Olhos Florianópolis Instalações

O HOF vem crescendo e ampliando as suas instalações para atender as necessidades de clientes, colaboradores e oftalmologistas. Cada detalhe das instalações é planejado de modo a oferecer conforto e beleza, praticidade e eficiência. Tem infraestrutura completa, com vagas de garagem, recepções, consultórios, sala de pré-exames, centro de diagnóstico e cirúrgico, internação, equipamentos de ponta, além de rede wi-fi para o conforto e comodidade dos usuários.

Para melhor atender a região da Grande Florianópolis, o HOF conta ainda com uma filial na Maternidade Carlos Correa, no centro da capital, e outra em Biguaçu.

  • Estacionamento
    Para a maior comodidade, o HOF disponibiliza um serviço de estacionamento terceirizado com manobrista.
  • Hall de entrada
    O primeiro atendimento, realizado na recepção, é responsável pela formalização da acolhida dos pacientes. Nossas recepcionistas estão sempre prontas a atender aos que procuram nossos serviços com cordialidade, respeito e agilidade, pois entendemos que este é um momento muito importante.
  • Unidade de Diagnóstico
    Infraestrutura de ponta com tecnologia a serviço da qualidade.
  • Centro Cirúrgico
    O Centro Cirúrgico é composto por duas salas cirúrgicas e uma sala de pequenos procedimentos, onde os mais diversos tipos de cirurgias oftalmológicas podem ser realizados. Além disso, há uma recepção reservada com sala de espera cirúrgica e atendimento aos familiares e acompanhantes.
  • Consultórios e salas de pré-exames
    Contamos com infraestrutura completa para o atendimento dos pacientes.
  • Lente de Contato
    O setor de lente de contato possui uma equipe técnica preparada para realizar testes e adaptação de todos os tipos de lente de contato indicadas pelos oftalmologistas.

Hospital dos Olhos Florianópolis Especialidades

A equipe profissional do HOF é integrada por oftalmologistas com experiências em diversas especialidades como:

– Catarata
– Ceratocone
– Córnea
– Cirurgia a Laser
– Estrabismo
– Glaucoma
– Lentes de Contato
– Oftalmopediatria
– Oftalmologia Geral
– Plástica Ocular
– Retina

Horário de Funcionamento Hospital dos Olhos Florianópolis

  • Segunda a sexta das 8h às 21h / Sábado das 8h às 12h

Onde Fica, Endereço e Telefone Hospital dos Olhos Florianópolis

  • Servidão Missão Jovem, 38 – Centro, Florianópolis – SC
  • Telefone: (48) 3212-0101

Outras informações e site

Mapa de localização