Zoonoses Florianópolis

O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) do município de Florianópolis foi inaugurado em junho de 2008, quando ainda fazia parte da estrutura da Vigilância em Saúde.

No entanto, ainda sem marcar presença no organograma oficial da Secretaria Municipal de Saúde de Florianópolis.

Zoonoses Florianópolis

Com a aprovação da Lei Complementar nº348/2009, em março de 2009 o CCZ passou a ser uma Diretoria da Secretaria Municipal de Saúde de Florianópolis, tamanha a importância das zoonoses no contexto da saúde.

É importante ressaltar que as atividades de recolhimento e acolhimento de animais, cuidados veterinários (clínico, cirúrgico, atendimento domiciliar), atendimento a denúncias de maus tratos e castração não são executados pelo Centro de Controle de Zoonoses e sim pela Diretoria do Bem
Estar Animal (DIBEA), que possui autonomia administrativa.

As atribuições principais do CCZ estão inseridas numa ampla proposta para o desenvolvimento de atividades de vigilância em saúde, prevenção, controle de zoonoses, monitoramento dos fatores de riscos biológicos e controle de vetores; intervém de forma específica nas doenças prevalentes, cujo caráter antropozoonótico requer integração com as vigilâncias
epidemiológica e ambiental.



Desde sua inauguração, o CCZ vem desempenhando atividades como controle de zoonoses, doenças transmitidas por vetores e agravos à saúde causados por animais de importância epidemiológica.

Para atingir esses objetivos, são realizados trabalhos educativos nas comunidades, visando o esclarecimento e conscientização da população nas ações preconizadas, aliadas as ações legais e fiscais, quando necessárias.

A atuação do CCZ tem gerado importantes benefícios à população do município de Florianópolis, destacando-se a redução das doenças transmitidas entre homens e animais e a diminuição da proliferação de vetores.

Esses resultados são obtidos através do trabalho constante de uma equipe multiprofissional, proporcionando menores riscos à saúde humana e melhoria da qualidade de vida e do meio ambiente.



Zoonoses Florianópolis Mostra Nacional

O Centro de Controle de Zoonoses de Florianópolis participou da IV Mostra Nacional de Experiências em Atenção Básica / Saúde da Família. O encontro ocorreu em Brasília.

Os trabalhos são: O Teatro de Fantoches da Dengue: uma proposta do Centro de Controle de Zoonoses; e a Utilização de Instrumento para Coleta de Dados pelo Agente Comunitário de Saúde no Combate à Dengue em Florianópolis, Santa Catarina.

Zoonoses Florianópolis Leishmaniose Visceral

A Leishmaniose Visceral é uma doença grave causada por um protozoário que tem seu nome científico de Leishmania chagasi,se não tratada a doença pode levar ao óbito até 90% dos casos.

Entre os anos de 2001 e 2010 foram registrados cerca de trinta e três mil casos de Leismaniose no país, com média anual de 3.332 casos confirmados. Em Santa Catarina não há casos da doença em humanos adquiridos no estado.

Zoonoses Florianópolis Aperfeiçoamento Profissional

O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) está realizando o Programa de Aperfeiçoamento Profissional. O objetivo é capacitar os servidores que atuam como Agentes de Combate a Endemias e demais profissionais envolvidos direta ou indiretamente nos Programas de Saúde Pública desenvolvidos por este Centro.

Apesar de ser uma das cidades brasileiras que recebe mais visitantes Florianópolis segue livre de casos autóctones (contraídos no seu território) de Dengue.

Zoonoses Florianópolis Concurso

Para informações sobre concursos em aberto, vagas disponíveis, remunerações e datas de prova acesse o site.

Horário de Funcionamento Zoonoses Florianópolis

  • Segunda a sexta das 8h ás 17h

Onde Fica, Endereço e Telefone Zoonoses Florianópolis

  • Itacorubi: Rodovia, SC-401, 114 – Itacorubi – Tel.: (48) 3338-9004
  • Centro: R. Ten. Silveira, 60 – Centro – Tel.: (48) 3237-6890

Outras informações e site

Mapa de localização Unidade Itacorubi